Quarta, 06 Junho 2018 00:00

Assembleia Geral Extraordinária decide pela paralisação das atividades da Cooperalém

Avalie este item
(0 votos)
Assembleia Geral Extraordinária decide pela paralisação das atividades da Cooperalém internet

Em assembleia geral extraordinária realizada na segunda-feira, 28 de maio, com cerca de 30 cooperadores presentes, ficou decidido, após as três convocações obrigatórias por força do edital publicado, por unanimidade pela paralisação as atividades da Cooperativa dos Produtores de Leite de Além Paraíba de Responsabilidade Ltda., bem como pelo início de sua liquidação extrajudicial.
Uma vez que passa por sérias dificuldades, a direção da Cooperalém decidiu apresentar a proposta de paralisaras atividades já que está, segundo seu presidente, o produtor rural James Stewart Villela, insustentável tocar suas atividades com o baixo volume de leite que tem sido enviado pelos cooperados ativos. Vale ainda ressaltar, existe uma dívida junto aos cooperados (não recebem pelo produtor fornecido faz dois meses), fornecedores e bancos que gira entre R$ 450/500 mil, isto sem contar a existência de uma dívida fiscal junto ao Governo do Estado do Rio de Janeiro que, acrescida de juros e correções, deve ultrapassar R$ 10 milhões. A dívida fiscal remonta o final da década de 1990, por volta de1997/1998, valendo ainda registrar a existência de um crédito junto ao Governo Federal na ordem de cerca de R$3,5 milhões (devolução de PIS/Confins).
Uma luz no fim do túnel
Após as explanações efetivadas pelo presidente James Stewart, o advogado Fernando Silva Ferreira e outros, foi salientado a existência do interesse de um grande empresário no sentido de tocar as instalações do laticínio da instituição alemparaibana. Entretanto, para que isso ocorra deverão os cooperados garantirem a entrega de pelo menos 6 mil litros de leite diariamente, bem como a iniciação da liquidação extrajudicial da Cooperalém. Segundo foi salientado no encontro, os cooperados terão a garantia de que irão receber pelo leite fornecido a cada 10/15 dias de sua entrega, uma notícia que entusiasmou os presentes que conhecem e sabem que o dito empresário é possuidor de grande credibilidade junto a classe produtora e empresarial da região. Após um rápido levantamento entre os presentes, chegou-se à conclusão de que pouco mais de cinco mil litros de leite estariam garantidos, sendo que apenas um deles enfatizou que poderia fornecer dois mil litros diários e que faria gestões a outro grande produtor no sentido de que este venha fornecer ao menos outros dois mil litros. Diante das situações apresentadas na assembleia, foi formada uma comissão entre os cooperados presentes que visitarão os produtores rurais cooperados, ativos ou não, no sentido de convencerem que estes voltem a fornecer leite, não à instituição Cooperalém, mas sim ao empresário que está disposto a fazer com que a marca ALÉM volta ter lugar de destaque nas prateleiras de supermercados, mercearias, padarias e na mesa dos alemparai-banos. A comissão ficou formada dos seguintes produtores: Atualpa de Oliveira Milão, Lafayete Marcos Luiz da Cunha, Jorge Luiz Cavaliere, Alencar César Martins Zamboni e, apesar de não estar presente, Aderli José Vieira, atual presidente do Sindicato Rural de Além Paraíba. Até o início deste mês de maio existiam 72 cooperados ativos enviando leite para a Cooperalém. Segundo informações oficiosas, em dezembro do ano passado, entre ativos de inativos o total de cooperados era de cerca de 820produtores. (Fonte: Jornal Além Parahyba)

Informações adicionais

  • Cidade: Além Paraíba - MG

Deixe um comentário

whatsapp_jornal
alemfitnessdentro
farol
agorajornais
rvsound
laisclaronutr