Quinta, 17 Outubro 2019 00:00

Duas pessoas de Além Paraíba são detidas na cidade de Quissamã

Avalie este item
(2 votos)

A página do Facebook do JORNAL 8, da cidade de Quissamã, estado do Rio de Janeiro, mesorregião do Norte Fluminense, publicou na manhã de hoje, 17 de outubro, que uma quadrilha foi em flagrante quando extraía petróleo no município de Quissamã. Dentre as pessoas pegas, duas pessoas são de Além Paraíba, é uma cidade da zona da mata de Minas Gerais, e não do Sul Fluminense, como informou o JORNAL 8.

Segue, na integra, a matéria publicada pelo JORNAL 8, da cidade de Quissamã

Uma operação da Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal resultou na prisão de 11 envolvidos, e apreensão de três carretas e mais uma pick-up Amarok, por furto ao gasoduto. A quadrilha foi pega em flagrante quando extraía petróleo no município de Quissamã, na região da comunidade de Machadinha e São Miguel, na manhã desta quinta-feira (17). Pelo menos dois dos integrantes são da própria cidade. O caso está registrado na 130ª Delegacia Legal de Quissamã, onde os presos ainda estão sendo identificados e qualificados por seus crimes. Os motoristas das carretas seriam da cidade de Além Paraíba, no Sul-Fluminense. Na caminhonete utilizada em apoio, policiais encontraram ferramentas utilizadas para a prática do crime. Tudo foi levado para a delegacia. Uma das carretas estaria ainda vazia, as outras duas, segundo informações de um dos motoristas detidos, transportaria cerca de 40 mil litros de petróleo para o refino. A Polícia Civil ainda ouvirá cada envolvido. Eles precisam explicar onde seria a refinaria em que o produto roubado seria destinado. A ocorrência deve desencadear uma série de investigações a respeito de roubo de petróleo, que precisa de uma rede clandestina para funcionar. A ocorrência ainda está em andamento. Atualizaremos detalhes em breve.
ENTENDA COMO ELES ATUAM
Em meio a fazendas e estradas de terra desertas, os criminosos abrem buracos no terreno até encontrar os dutos, enterrados a quase 2 metros de profundidade e dão início a uma operação arriscada. Eles perfuram dutos de alta pressão e conseguem desviar o combustível até um caminhão-tanque. O método é chamado de trepanação. Essa trepanação é feita com uma válvula específica para conter a pressão. E contendo a pressão é possível retirar o combustível de uma forma que ele possa encher o caminhão. A partir daí os criminosos levam o material para uma refinaria.
(FONTE:JORNAL 8)

72632549_2500002136913639_5928851509134491648_n.jpg74242349_2500002033580316_1026831426688909312_n.jpg
Os Policiais, o representante da Guarda Municipal e o representante da refinaria de Quissamã!

Informações adicionais

  • Cidade: Além Paraíba - MG
Última modificação em Quinta, 17 Outubro 2019 16:38

Deixe um comentário