Segunda, 21 Setembro 2015 00:00

Guarda Municipal será implantada em Além Paraíba, com vagas em concurso público Destaque

Avalie este item
(0 votos)
TRÂNSITO ORDENADO – Uma das funções da Guarda Municipal será a fiscalização, orientação  e ordenação do trânsito em pontos críticos, como a Praça  Presidente Vargas e  rua Cel. Oscar Cortes no centro da cidade. TRÂNSITO ORDENADO – Uma das funções da Guarda Municipal será a fiscalização, orientação e ordenação do trânsito em pontos críticos, como a Praça Presidente Vargas e rua Cel. Oscar Cortes no centro da cidade. ASCOM PMAP

O Prefeito Fernando Lucio Donzeles reuniu-se com a imprensa no dia 21 de agosto, e na ocasião foram abordados diversos assuntos de interesse da comunidade, e entre esses assuntos está o Concurso Publico para Prefeitura Municipal de Além Paraíba, para preenchimento de vagas em diversas áreas. Tal concurso— cujo edital foi publicado no início do mês de setembro, traz uma boa novidade para Além Paraíba: onze vagas para o cargo de integrante da Guarda Municipal.
O assunto sobre a criação da Guarda Municipal gerou uma disputa entre dois conhecidos vereadores de Além Paraíba: Roberto Tolentino o “Betão” e Antônio da Cunha Coelho, o “Cabo Coelho”. Em mandato anterior, o Cabo Coelho foi um grande defensor da idéia de criação dessa guarda municipal, sendo esta uma proposta de sua campanha, que culminou com sua eleição, em 2012, para este atual mandato. No ano passado, o vereador Cabo Coelho entrou com uma indicação ao Executivo Municipal sugerindo a criação da Guarda Municipal, porém não foi atendido. Nos primeiros dias de janeiro deste ano 2015, o vereador “Betão— atropelando seu companheiro vereador “Cabo Coelho”— entrou com a mesma indicação anteriormente proposta. Quando o prefeito Fernando Lúcio anunciou a criação da Guarda Municipal e a abertura de vagas para o cargo no próximo concurso publico, estabeleceu-se um clima de constrangimento entre os vereadores “Betão” e “Cabo Coelho”— ambos reivindicando para si a “paternidade” da indicação. Legalmente, de acordo com as regras da Câmara, a reivindicação de 2015 é de autoria do vereador “Betão”. Porém, moralmente e historicamente, a luta pela Guarda Municipal pode ser atribuída ao vereador “Cabo Coelho”. Há, entretanto que se ressaltar que “o pai da criança” é o Prefeito Fernando Lúcio Donzeles, pois se não fosse a vontade do Chefe do Executivo Municipal, a Guarda Municipal não seria criada.
Na entrevista coletiva no dia 21 de agosto, Fernando Lúcio reconheceu que o número de vagas criadas para o início da GM em Além Paraíba— apenas 11— é, de fato, muito baixo, mas ele destacou já ser este um grande passo e uma grande conquista, tanto para a segurança pública quanto para a geração de empregos
A Guarda Municipal em todos os municípios em que ela foi criada tem sua atuação limitada. Ela não tem poder de polícia, não pode andar armada e sua função é resguardar e proteger o patrimônio público.
Criada através da Lei Municipal 3.345,de 01 de Setembro de 2015, a Guarda Municipal de Além Paraíba terá como função a vigilância e zelo do patrimônio público municipal, orientação e atuação na ordenação do trânsito e ainda acompanhar e cuidar do comportamento público social da população.
Com salário inicial de R$ 788,00 reais, acrescido de um adicional de 30% de periculosidade, o contingente inicial será composto por onze guardas que serão selecionados através de concurso público, já previsto no edital divulgado neste último dia 04 de Setembro de 2015. Após a seleção, os aprovados serão treinados no batalhão da Polícia Militar em convênio com a Prefeitura Municipal de Além Paraíba.

Informações adicionais

  • Cidade: Além Paraíba - MG

Deixe um comentário