Quinta, 17 Dezembro 2015 00:00

MINAS E ESPÍRITO SANTO UNEM ESFORÇOS PARA RECUPERAÇÃO DO RIO DOCE

Avalie este item
(0 votos)

Representantes dos governos estaduais de Minas Gerais e do Espírito Santo e prefeitos dos municípios capixabas impactados pelo rompimento da barragem da Samarco, em Mariana, se reuniram sexta-feira, em Vitória, para discutir a elaboração de projetos de recuperação do rio Doce e das cidades afetadas pelo desastre. O objetivo do encontro foi alinhar estratégias técnicas e jurídicas e articular novas ações de cooperação entre os dois estados, que assegurem a recuperação dos danos ambientais, sociais e humanos causados pelo rompimento da barragem. Além de promover a integração dos estados, a reunião também serviu para troca de experiências e nivelamento de informações. O coordenador da força-tarefa criada pelo governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, para avaliação dos efeitos e desdobramentos do rompimento da barragem, secretário de Desenvolvimento Regional, Política Urbana e Gestão Metropolitana (Sedru), Tadeu Martins Leite, apresentou um balanço dos trabalhos realizados e o plano de ações a ser implementado pela força-tarefa. Durante a reunião, foi definido que as cidades capixabas também vão elaborar um diagnóstico de perdas socioeconômicas e socioambientais, a exemplo do que está sendo feito em Minas. Os secretários de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Coser, e de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Espírito Santo, Rodrigo Júdice, propuseram a criação de um grupo para discutir coletivamente as intervenções que serão necessárias para minimizar os danos causados às cidades afetadas nos dois estados.

O secretário Tadeu Martins Leite explicou, ainda, detalhes da ação civil pública, que propõe a criação de um fundo privado de 20 bilhões e 200 milhões de reais para as despesas de recuperação dos danos e revitalização da Bacia do Rio Doce, e a importância do permanente diálogo entre os governos dos Estados para o sucesso da ação. Os prefeitos de Baixo Guandu (ES), Neto Barros, de Colatina (ES), Leonardo Deptuski, e o secretário municipal de Obras de Mariana (MG), Newton Godoy, foram unânimes quanto à importância de unificar as necessidades dos municípios afetados em um relatório.

Informações adicionais

  • Cidade: Além Paraíba - MG

Deixe um comentário

whatsapp_jornal
alemfitnessdentro
nutrição
portosunset
laisclaronutr
farol