Quinta, 20 Abril 2017 00:00

Agora é oficial: publicado o termo de cessão dos torreões ao Museu de Além Paraíba

Avalie este item
(0 votos)
Agora é oficial: publicado o termo de cessão dos torreões ao Museu de Além Paraíba Arquivo Jornal AGORA

Desde o último dia 7 de março, o Museu de História e Ciências Naturais de Além Paraíba passou a ser o responsável pelos prédios dos antigos torreões da Estação Ferroviária de Porto Novo. Isso foi possível graças à publicação oficial do termo de CESSÃO, assinado em conjunto pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN-MG). A partir do dia 7 de março de 2017— e pelos próximos 20 anos, podendo ser prorrogado por iguais períodos— o Museu de Além Paraíba detém a cessão dos prédios, abandonados há décadas. O sonho dos alemparaibanos sempre foi ver os torreões restaurados— o que nunca ocorreu, apesar das inúmeras promessas políticas. Segundo o Prof. André Borges, diretor do Museu de História e Ciências Naturais, a entidade, a partir de agora, buscará os parceiros necessários para que o projeto de recuperação dos referidos bens culturais da cidade de Além Paraíba possam voltar a representar fonte de recursos, através da economia da cultura e do turismo. Após a recuperação dos prédios, o Museu será o gestor responsável, já tendo apresentado projeto de ocupação visando a valorização do referido espaço (torreões e terrenos ao redor) representativo da história ferroviária de Além Paraíba. O MHCN publicou nota agradecendo a todos que participaram deste processo, destacando o Secretário de Estado da Cultura de Minas Gerais, Ângelo Oswaldo, “pelo apoio e incentivo ao projeto”; à Sr. Celia Corsino, Superintendente do IPHAN MG, “pelas importantes considerações realizadas”; ao DNIT Brasília, “por ter acreditado no projeto”; e ao empenho dos Srs. Cláudio Bellini (Inventariança da RFFSA em Juiz de Fora) e Victor Valverde (ex-Secretário de Governo da Prefeitura de Belo Horizonte). Em nível local, a nota do Museu destaca a importante participação da ABPF/PN (Associação Brasileira de Preservação Ferroviária - Regional Porto Novo- Valério e José Carlos) e do Movimento “Além nos Trilhos” (em especial ao empenho pessoal do ex-secretário de Cultura de Além Paraíba, Pablo Costa Borges; e a José Luiz Vidal, que levaram a proposta de gerir os torreões à direção do Museu, encaminhando, posteriormente, tal proposta, que gerou a cessão, a uma Audiência com o Ministro dos Transportes em 2015. Pablo Costa Borges, mais recentemente— já neste ano 2017— foi quem também trabalhou incansavelmente para que o termo de cessão fosse publicado na imprensa oficial, sacramentando a posse dos torreões ao Museu de Além Paraíba. E tem continuado sua atuação, com a participação direta de Victor Valverde, para que a Caixa Econômica Federal seja parceira na restauração dos históricos prédios. Segundo o Prof. André Borges, o projeto de restauração dos torreões terá por base o trabalho da jovem arquiteta alemparaibana Débora Fouraux, que prevê o aproveitamento dos prédios e a urbanização de toda a área que circunda os torreões de Porto Novo. O projeto de Débora vem sendo muito elogiado através de compartilhamentos na redes sociais. — Acreditamos que o projeto de recuperação dos torreões será realizado por meio de inúmeros parceiros, entre eles o Poder Público, a iniciativa privada e os diversos mecanismos de incentivo à cultura— ressalta o diretor do Museu de Além Paraíba.

Informações adicionais

  • Cidade: Além Paraíba - MG

Deixe um comentário

alemfitnessdentro
whatsapp_jornal
farol
portosunset
nutrição
laisclaronutr