Política

Política (105)

IMG_0213-250x189.jpg
R$ 150 mil serão indicados via Emater para aquisição de um trator


APAE-250x189.jpg
R$ 100 mil serão indicados para a APAE em Além Paraíba.

A deputada federal Margarida Salomão (PT) faz uma caravana pela Zona da Mata para prestar contas da sua atuação em defesa da região, percorrendo 20 cidades em poucos dias. Em Além Paraíba, a parlamentar já indicou mais de R$ 1 milhão em emendas sendo a maior parte (R$ 700 mil) para custeio da saúde básica do município.

Margarida teve a companhia do vereador Rodrigo França e do diretor da Superintendência Regional de Ensino de Leopoldina, Sidilúcio Senra, no encontro com os integrantes do Sindicato dos Produtores Rurais. “A deputada nos encaminhará via Emater R$ 150 mil para aquisição de um trator, o que será muito útil para melhorar nossa produção no campo”, destacou o presidente do sindicato rural, Aderli José Vieira.

Também presentes nesta roda de conversa, diversos diretores e diretoras de escolas agradeceram pelo apoio financeiro da deputada para melhorias em estabelecimentos de ensino. A SRE de Leopoldina recebeu R$ 300 mil para reformas nas E.E. Santa Rita, E.E.São José, E.E. Sebastião Cerqueira, E.E.Barão de São Geraldo, E.E. Castelo Branco.

A deputada também esteve na APAE municipal, onde recebeu os agradecimentos da diretoria pela emenda de R$ 100 mil para custeio da instituição.

Margarida também se reuniu com integrantes da Associação de Catadores de Material Reciclável de Além Paraíba (ACRAP). Eles estão com dificuldades para manutenção do local onde fazem a separação dos produtos reutilizáveis. O proprietário do galpão quer aumentar cobrar um valor para alocação que a associação não poderá arcar. Margarida se comprometeu a ajudar intermediação desse problema. “O lixo de uns é fonte de riqueza e trabalho. Vocês fazem um trabalho muito importante para todos os moradores. Não podemos permitir que isso acabe”, argumentou a parlamentar. 

Assessoria de Comunicação
Dep. Federal Margarida Salomã

Conforme informações divulgadas nas redes sociais pelo líder político Pablo Costa Borges (foto ao lado) (recentemente desfiliado do PT), o ex-prefeito de Belo Horizonte e presidente do Conselho da Frente Nacional de Prefeitos, Márcio Lacerda, do Partido Socialista Brasileiro (PSB) estará em Além Paraiba, no próximo dia 07 de dezembro.
717c89f6-3d4a-4708-82e9-bdd4955d46f1.jpgPostulante a uma candidatura ao governo de Minas pelo PSB nas eleições de 2018, Márcio Lacerda tem visitado várias cidades do Estado, consultando e ouvindo as bases eleitorais não só de seu partido, bem como de todas as siglas em consonância com a sua possível candidatura.
Em Além Paraíba, Márcio Lacerda vai se encontrar com seus correligionários, simpatizantes e outros convidados na sede da Sociedade Musical Carlos Gomes (Rua Cel. Oscar Cortes, 257) em reunião marcada para as 19 horas da próxima quinta-feira, dia 7.
Pablo Costa Borges, um dos organizadores desse encontro com o pré-candidato, acredita que o evento reunirá diversos nomes ligados ou não à política local, já que é grande a expectativa dos alemparaibanos por um nome que venha representar o município no governo do Estado de Minas.

Fontes não oficiais dão conta de que um outro encontro, de caráter mais fechado, também acontecerá na tarde da próxima quinta-feira, entre Márcio Lacerda e o prefeito Miguelzinho Belmiro e seu grupo político. O prefeito de Além Paraíba, que foi eleito pelo DEM, estaria interessado em conversar com o pré-candidato pelo PSB, cujo expoente máximo no município foi o Dr. Miguel Belmiro, já falecido, eleito prefeito municipal em 1996 pela legenda do Partido Socialista Brasileiro. Ainda não há informação se tal encontro acontecerá na sede da Prefeitura ou na casa de D. Marisa Reis de Souza, viúva do Dr. Miguel.

O site do AGORA Jornais (www.agorajornais.com.br) publicou, no decorrer da última semana de novembro, uma reclamação do vereador Dione de Castro Miranda quanto à destinação da verba de uma emenda parlamentar por ele conseguida junto ao deputado federal Lincoln Portela, a fim de atender reivindicação de pavimentação urbana no bairro Santa Marta, em Além Paraíba.
Segundo Dione, ele não estava satisfeito com o calçamento em pedras “pés de moleque”, já que o início da pavimentação, no governo anterior, do prefeito Fernando Lúcio Donzeles (conforme atestam fotos) havia sido feito em paralelepípedos, sendo que o atual governo, de Miguelzinho Belmiro Júnior, teria dado prosseguimento a esse calçamento usando um material considerado pelo vereador como inferior e que não contempla o pedido atendido através da emenda parlamentar de Lincoln Portela. (LEIA A MATÉRIA COMPLETA NO LINK: http://www.agorajornais.com.br/site/component/k2/item/1075-vereador-dione-critica-cal%C3%A7amento-em-pedra-%E2%80%98p%C3%A9-de-moleque%E2%80%99-no-santa-marta-ii.html
Assim que a matéria do jornal AGORA em sua versão on line foi compartilhada nas redes sociais, a Prefeitura Municipal de Além Paraíba fez uma nota oficial, publicada em sua página na Internet e, posteriormente, enviada à direção do AGORA JORNAIS, com o pedido de “Direito de Resposta”. Segundo a nota, toda a pactuação dos serviços decorrentes da emenda parlamentar do deputado Lincoln Portela foi feita durante o governo anterior, de Fernando Lúcio Donzeles, aí incluindo valores e materiais a serem usados. A atual administração municipal apenas deu prosseguimento ao que foi determinado em convênio assinado pelo prefeito Fernando Lúcio.
Segue abaixo, na íntegra, a nota da PMAP, assinada pelo prefeito municipal Miguel Belmiro de Souza Júnior:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Prefeitura Municipal de Além Paraíba vem à presença dos moradores do Loteamento Santa Marta II, e do povo em geral, que em decorrência de notícias inverídicas publicadas nas redes sociais pelo Agora Jornais, dizendo serem as mesmas com base nas informações do Vereador Dione Miranda, de que o calçamento que vem sendo realizado nas ruas do referido Loteamento, em “pés de moleque” não condiz com a verba de EMENDA PARLAMENTAR de autoria do Deputado Federal Lincoln Portela, que teve a sua participação, ESCLARECER QUE:

1- O valor da Emenda Parlamentar para a continuação do calçamento no Loteamento Santa Marta II, foi de R$260.000,00 (duzentos e sessenta mil reais) e objeto do Convênio nº828623/16, firmado na Administração Anterior e não pela atual.

2- Quando da elaboração do Convênio, a Planilha de Custos, onde são descritos os materiais a serem empregados na obra, é feita pelo governo que assina o Convênio, no caso, a Administração Anterior.

3- Que no caso deste Convênio, na Planilha de Custos, foi enumerado que para o calçamento fossem utilizadas as pedras conhecidas como “pé de moleque”, que não podem ser objeto de alteração quando da execução da obra.

4- Dessa forma, a atual Administração está apenas cumprindo o que foi determinado pelo Governo Anterior na execução das obras.

5- Que o Vereador Dione Miranda, já havia sido oficialmente informado desses gastos pela atual Administração, através de ofício nº322/2017, de 25/10/2017, o que nos leva a crer que, se realmente presta tais informações ao Agora Jornais, não agiu com a decência e responsabilidade de seu cargo de Vereador à Câmara Municipal, por prestar informações inverídicas e mentirosas à população, não se sabe com qual objetivo, inclusive com a falsa informação de que a Prefeitura lhe tivesse atestado de que o calçamento em “pés de moleque” seria para redução de custos da obra.

6- Pela manifesta obrigação de informar ao povo a clareza de seus atos, no caso aos moradores do Santa Marta II, é que editamos esta NOTA DE ESCLARECIMENTO, a qual será objeto de PEDIDO DE DIREITO DE RESPOSTA ao Órgão que divulgou nas redes sociais, o Agora Jornais.

Além Paraíba, 29 de novembro de 2017.
Miguel Belmiro de Souza Junior

VEJAM, ABAIXO, A PLANILHA DE MATERIAIS (E CUSTOS DOS MESMOS) UTILIZADOS NA OBRA DE PAVIMENTAÇÃO DO SANTA MARTA. A PLANILHA FOI ELABORADA EM 2016, NO GOVERNO DO PREFEITO FERNANDO LÚCIO DONZELES. TAL PLANILHA, AOS OLHOS DE LEIGOS, APRESENTA UMA CERTA CONTRADIÇÃO, AO FALAR EM “PEDRAS RACHÃO PARA ARRIMO” E, AO MESMO TEMPO, “PAVIMENTAÇÃO EM PARALELEPÍPEDOS OU BLOCOS DE CONCRETO INTERTRAVADOS” (ITENS 3 E 5)
4b121e16-7cb4-445f-bb73-8d14ece38370.jpg




ffcdbd12-4673-45a3-a494-e839b6b25111.jpg                     Rua do Santa Martha II, calçada com paralelepípedo, no governo do Fernando Lúcio Donzeles.                  

 O vereador Dione Miranda (PRB) não está muito satisfeito com uma obra que vem sendo realizada pela Prefeitura Municipal de Além Paraíba no bairro Santa Marta II. Isso porque, segundo Dione, o calçamento, da forma como vem sendo realizado, não condiz com a destinação que deveria ser dada a uma verba proveniente de emenda parlamentar por ele conseguida junto ao deputado federal Lincoln Portela – e intermediada pelo deputado estadual Leonardo Portela (Léo Portela), que, assim como ele, integra as fileiras do Partido Republicano Brasileiro.
Segundo informações do vereador de Além Paraíba, no ano passado (2016)— antes mesmo de ser eleito— ele conseguiu, junto ao deputado federal Lincoln Portela, a destinação de uma emenda parlamentar no valor de R$260,       000,00 (duz17155648_1369701786437690_932705122711044577_n.jpgentos e sessenta mil reais), para a CONTINUAÇÃO do calçamento   do bairro Santa Marta II. O calçamento, em paralelepípedo, havia sido iniciado   no governo do prefeito Fernando Lúcio Donzeles. Nesse mesmo governo, a obra   foi paralisada. 

  Mais recentemente, com a liberação da verba da emenda parlamentar do             deputado federal Lincoln Portela —verba essa destinada graças ao pedido de   Dione— o governo Miguel Belmiro de Souza Júnior retomou o calçamento no   bairro Santa Marta II. Porém, para surpresa do vereador Dione, a Prefeitura   Municipal de Além Paraíba não deu continuidade à pavimentação em paralelos,   usando pedras pés-de-moleque no calçamento das ruas.

 O vereador chegou a procurar representantes do atual governo municipal, a fim   de questionar o motivo de não estarem sendo usados paralelepípedos na obra,   já que seu pedido ao deputado federal Lincoln Portela previa esse tipo de   calçamento. O parlamentar alemparaibano foi informado pela PMAP de que as                                                                pedras pés-de-moleque reduziriam o custo do serviço e, assim, a Prefeitura 
                                                            poderia calçar outros logradouros do Santa Marta.

Dione se diz indignado com a destinação da verba pois seu pedido foi específico, visando a um trabalho de primeira qualidade, de durabilidade e que viesse de encontro aos anseios da população (Foto ao lado). Dione entende que as pedras pés-de-moleque vão contemplar parcialmente o desejo dos moradores em verem aquele importante núcleo habitacional— que é o Santa Marta II— definitivamente urbanizado e pavimentado como a população merece.

A Câmara Municipal de Além Paraíba volta a realizar, neste dia 28 de setembro— feriado municipal pelo aniversário de Além Paraíba— a sua sessão solene anual. A tradicional cerimônia em homenagem aos 134 anos da cidade vai acontecer na sede do Poder Legislativo Municipal, na Praça Cel. Breves, em São José, pontualmente às 18 horas.
Na oportunidade, serão outorgados os títulos de Cidadania Honorária, Cidadania Benemérita, Honra ao Mérito, Comenda do Mérito Mercadante e Comenda do Mérito Mercadante- Grau Mérito Legislativo. Sessenta e sete personalidades serão homenageadas na noite do aniversário de 134 anos de Além Paraíba. Os nomes dos indicados foram analisados com uma comissão especial e aprovados pela maioria absoluta dos vereadores, em sessão plenária realizada no último dia 14 de agosto.
Conheça a relação dos homenageados:

Homenageados do vereador Afrânio de Deus da Silva (“Polenta”)
Cidadão Honorário: Paulo Roberto Carreiro Monteiro
Comenda do Mérito Mercadante: Hamilton Carvalho de Souza
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Dr. Adriano Miranda de Souza
Título de Honra ao Mérito: Élcio Cândido Ferreira

Homenageados do vereador David da Paz Silveira Teixeira
Cidadão Honorário: Glaciele Silva dos Santos Souza
Pastor Marson Leite
Cidadão Benemérito: Pastor Sérgio Cavalheiro Pimentel
Comenda do Mérito Mercadante: Ari Vieira Júnior
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Franklin Roberto de Lima Souza
Título de Honra ao Mérito: Alina Mendes Gomes de Freitas

Homenageados do vereador Dione Castro de Miranda
Cidadão Honorário: Marcelo Torres Alves
Adenauer Baylet Goulart
Cidadão Benemérito: Pastor Gildo Bezerra de Menezes
Comenda do Mérito Mercadante: Leonardo Morreale Diniz Portela
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Vicente de Paula Gomes
Título de Honra ao Mérito: Pastor Abimael Barbosa

Homenageados do vereador Francisco Antônio Nunes (Chiquinho de Marinópolis)
Cidadão Honorário: Clementino Brettas Netto
Luana Rivania de Oliveira Souza
Cidadão Benemérito: Aldo Nei dos Santos
Comenda do Mérito Mercadante: Fernando Montes Ferreira da Cruz
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Pastor Hélio S. Santos
Título de Honra ao Mérito: Pastor Douglas Monteiro

Homenageados do vereador Gérson Pinto Barreto da Silva
Cidadão Honorário: Tony Angelo Gomes P. Medeiros
Aldair José de Penedo Monteiro
Cidadão Benemérito: Dr. Luciano Sales Lugão da Silva
Comenda do Mérito Mercadante: Dra. Vanusa Murta Agrelli
Título de Honra ao Mérito: Maria Rita Fontanela Faria


Homenageados do vereador Gilson Ricardo Costa Ribeiro ( “Gilsinho”)
Comenda do Mérito Mercadante: Wilson Borges
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Paulo Henrique S. Oliveira
Título de Honra ao Mérito: Rita de Cássia dos Santos Teixeira

Homenageados da vereadora Guaraciaba Germello de Marca (“Guará das Voluntárias”)
Cidadão Honorário: Angela Maria Rozzante Ferreira
Reginaldo Câmara Estevanin
Cidadão Benemérito: Edel Ferreira Gomes Filho
Comenda do Mérito Mercadante: Paulo Roberto Lopes
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Dra. Thainã Quindeler de Paula
Título de Honra ao Mérito: Lúcia Maria Ferreira Matos

Homenageados do vereador Leidimar Antônio Pereira Diogo (“Mazinho Enfermeiro”)
Cidadão Honorário: Márcio Capella de Almeida
Marcinéia Gonçalves Cândido
Cidadão Benemérito: Almir Barbosa
Comenda do Mérito Mercadante: Joveber Rodrigues de Almeida

Homenageados do vereador Luiz Augusto Pinto (“Tovinho”)
Cidadão Honorário: Sérgio Roberto Paulino de Jesus
Roberto de Souza
Cidadão Benemérito: Rita de Cássia dos Santos Teixeira
Comenda do Mérito Mercadante: Bethânia Reis de Souza Gracioli
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Juliano Godinho Rodrigues
Título de Honra ao Mérito: Rosângela Laurinda Veiga

Homenageados do vereador Reginaldo Câmara Estevanin (“RegiSom”)
Cidadão Honorário: Cleide dos Santos Machado Souza
Luiz Carlos Zamboni Filho
Cidadão Benemérito: Mônica Silva Fernandes
Comenda do Mérito Mercadante: Dahiana Nogueira Moraes
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Marilda Ribeiro Alves
Título de Honra ao Mérito: Laís Melo Deliane

Homenageados do vereador Rodrigo José França Oliveira
Cidadão Honorário: Marlene Souza
Ana Maria de Castro Filgueiras
Cidadão Benemérito: Geraldo Ferreira Lima
Comenda do Mérito Mercadante: Marcelino Jorge da Conceição Lara
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Dalmo Peres
Título de Honra ao Mérito: Milton Gonçalves de Souza

Homenageados do vereador Vicente de Paula Gomes (“Zico”)
Cidadão Benemérito: Ângela Aparecida Moutinho Vilela
Comenda do Mérito Mercadante: Delcy Cândido Rodrigues
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Gelson Luiz de Moura

Homenageados do vereador Wolney Freitas (“Wolninho”)
Cidadão Honorário: Luiz Cândido Oliveira Filho
Geraldo Élio Pereira
Cidadão Benemérito: Maria Luíza Galhardo Villela
Comenda do Mérito Mercadante: Ricardo José de Castro Ottero
Comenda do Mérito Mercadante (Grau Mérito Legislativo): Neidson Barros Gonçalves
Título de Honra ao Mérito: José Maria da Silva

A  Câmara Municipal de Além Paraiba encerra o seu período de recesso e volta a se reunir hoje às 19:00 horas, em sua sede.   Na ordem do dia estará em discussão e votação em turno único, o Projeto de Decreto Legislativo, de  autoria da Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária, que “Aprova as contas do município de Além Paraíba, exercício de 2015” . Serão votados ainda requerimentos, indicações e moções. (Carlos Roberto “Banjo” – Rádio Mix 102,7)

A Prefeitura Municipal de Além Paraíba realizou, no último dia 27 de junho, na Câmara Municipal, Audiência Pública sobre a Proteção Animal e a Criação de um Centro de Zoonoses no município. A audiência contou com a presença de diversos setores da comunidade, protetores dos animais e também de autoridades do município.
O prefeito municipal Miguel Belmiro de Souza Júnior iniciou sua fala saudando a população de Além Paraíba que vem, de forma organizada, discutindo assuntos de extrema importância para o município. Miguel destacou a importância da participação popular dizendo que antes de tomar as decisões necessárias é preciso ouvir as demandas da população e para que as ações possam acontecer é preciso que a comunidade prestigie os trabalhos realizados tanto no Executivo quanto no Legislativo. Segundo seu relato, a Prefeitura precisa cumprir as determinações do Ministério Público que ingressou com uma Ação Civil Pública contra o Município para que as providências fossem tomadas no que diz respeito à proteção animal e criação de um centro de zoonoses.
O vereador Gerson Barreto, presidente da Câmara Municipal, destacou as várias medidas urgentes que precisam ser tomadas para assegurar a proteção animal e que, tanto o Executivo quanto o Legislativo, não medirão esforços para que isso aconteça.
Durante a Audiência foi exibido um documentário da ONG “ Amigos de Quatro Patas” filmado em São João del Rei, em que foram abordados os diversos casos de abandono e maus tratos aos animais, emocionando a todos os presentes. Em seguida, a funcionária municipal Rita Borges falou em nome da ONG Associação Protetora dos Animais “SOS Amor” (conhecida pelo trabalho do Professor Alfredo e de Mila Érbiste), fazendo uma explanação sobre as receitas e despesas da Entidade e também sobre a falta de cumprimento das Leis no que tange ao processo de castração e proteção aos animais. “O que se vê hoje”— destacou Rita Borges— é um acúmulo significativo de animais abandonados e maltratados”. Rita também destacou que a SOS Amor já recebe subvenção municipal, porém as despesas ultrapassam a receita e hoje a dívida da Entidade se acumula em R$ 5.096,00.
A palavra ficou livre para que a população pudesse se manifestar e muitos usaram o microfone para cobrar do Poder Público o cumprimento das leis, porém todos foram unânimes quanto à necessidade da população estar conscientizada de que maltratar qualquer animal é crime e é passível de prisão.
Ana Lucia Cavalieri sugeriu que a Prefeitura fizesse uma contagem de animais no período em que for feita a vacinação contra a raiva para que tenha uma noção do número exato animais e questionou sobre a quem deveria se reportar para fazer denúncias quanto aos maus tratos em animais e o Procurador do Município, Dr.Fernando Ferreira, esclareceu que qualquer denúncia deve ser reportada à Polícia e ao Ministério Público.
A Secretária de Saúde, Bethânia Reis, ressaltou que a Secretaria Municipal de Saúde vem recebendo muitas denúncias neste sentido e que vem procurando, na medida do possível, auxiliar buscando junto à Polícia e ao MP medidas que venham a punir os responsáveis, com multas.
O Deputado Estadual Noraldino Júnior , convidado a participar da Audiência, informou que as multas aplicadas podem ser revertidas à própria Prefeitura, para ser utilizada na proteção animal e disse que colocaria seu Gabinete à disposição da população para relatar qualquer tipo de denúncia de maus tratos.
Maria Tereza Melo ressaltou que a cultura no Brasil hoje vê os animais como objetos e disse que a maioria da população está equivocada quando pensa que quem gosta de animais não gosta de pessoas e fez uma referência à luta de uma parcela da sociedade que abre mão da própria vida para se dedicar à causa animal como o estimado Professor Alfredo Vieira, Mila Erbiste e a falecida Lenir Mourão, que, para Maria Tereza “ são verdadeiros anjos de Deus” e destacou a necessidade urgente de se fazer um canil municipal a exemplo do canil municipal de Juiz de Fora, que segundo ela, é seu sonho.
Já o Deputado Noraldino Júnior disse que ele é contra a criação de um canil municipal e que o canil de Juiz de Fora está longe de ser um modelo a ser seguido “ pois a imagem que corre na mídia está longe da realidade” e destacou que quando o Município opta por um canil municipal, mas não se faz uma conscientização da população, o caos está instalado. Segundo o Deputado, é necessário que se faça um trabalho junto às escolas, bem como uma campanha para a adoção consciente. Porém, disse que a burocracia também ronda as adoções. No entanto, o comércio livre de animais de raça chega perto de 99% de clandestinidade, onde os animais são vistos como mercadorias e muitos são adquiridos a um alto custo e no entanto, também são abandonados ou ficam trancafiados em apartamentos apertados.
O Deputado destacou a luta que também trava junto à Assembleia Legislativa quando o assunto é a causa animal e disse que até ele já sofreu “ bulling” dos amigos parlamentares. Visivelmente emocionado, Noraldino falou das dificuldades que são enfrentadas no intuito de legislar em favor da causa animal e ressaltou que Além Paraíba está de parabéns em levantar essa questão e dizendo que é a primeira audiência pública que ele presencia em que os Poderes Legislativo e Executivo estão de mãos dadas buscando uma solução para um problema que é de saúde pública.
Taymara Demarco, empresária do ramo hotelaria, sugeriu que a Secretaria de Saúde inclua um representante da Associação Protetora para compor o Conselho Municipal de Saúde e sugeriu que a Prefeitura estude meios de dar incentivos fiscais às empresas de Pet Shop para que elas realizem os procedimentos de castração animal em parceria com a Secretaria de Saúde.
O vereador e presidente do Legislativo Gerson Barreto destacou que a participação popular é fundamental no processo de formulação das leis e que iria estudar meios para incentivar as empresas a serem parceiras, através de incentivos fiscais.
Regina Melido de Melo sugeriu que a Prefeitura procure parecerias junto às Universidades, para que os alunos do curso de veterinária possam realizar os trabalhos em forma de estágios e cobrou do Deputado Noraldino Júnior a presença do “castramóvel” para o controle da natalidade dos animais. Respondendo à Regina Melido, o prefeito Miguel Belmiro Júnior disse que já esteve em Teresópolis e está estudando a viabilidade de passar a contar com serviços desses profissionais e que novas ações estariam por acontecer.
O Professor Alfredo Vieira fez um breve relato sobre a história da Associação Protetora dos Animais de Além Paraíba desde a sua fundação em 23/05/1998, quando a entidade foi presidida por Lilian Ferreira, até o ano de 2000— quando o jornalista Adilson Teles passou a presidir a Instituição no período de 2000 a 2001. Desde então, o Professor Alfredo passou a ficar responsável pela Entidade e está até os dias de hoje, sem que ninguém queira substituí-lo Visivelmente emocionado, Alfredo Vieira disse não possui mais condições físicas, emocionais e muito menos financeiras para dar continuidade às atividades do SOS Amor. Aos 71 anos de idade, disse estar cansado, pois precisa ir ao abrigo todos os dias e está enfrentando sérias dificuldades financeiras enfrentada ( tanto a Entidade quanto a sua pessoa) pois segundo seus relatos, para manter o abrigo funcionando teve que fazer, ao longo dos anos, vários empréstimo bancários e hoje está tomado de dívidas junto ao Banco. Alfredo também destacou as inconstâncias dos locais do abrigo, que já passou pelo bairro do Sítio Branco, Santa Marta, Morro São Sebastião e hoje se encontra localizado no Sítio Bom Pastor, em Fernando Lobo. O Prof. Alfredo suplicou ao Deputado a vinda urgente do Castra Móvel, pois fica muito entristecido quando chega ao abrigo e encontra sempre uma caixa de papelão cheia de filhotes que são abandonados na porta do local, pois a comunidade sabe que ele não irá deixá-los ao relento. No entanto, destacou o protetor da causa animal, não são apenas os cachorros que são abandonados, são também gatos e cavalos que já não possuem mais condições para o trabalho e são descartados sem dó nem piedade. Com a voz embargada, disse que “ todo animal merece ser respeitado e que eles também merecem ter uma vida digna”.
O Prefeito Miguel Belmiro Júnior ressaltou que a vinda do Castra Móvel será ainda para este ano e destacou que é preciso que a população se faça mais presente e responsável, e que “ é preciso que os problemas deixem de se somente do Poder Público e passem a ser também de todos, pois, todos nós somos responsáveis pelo meio em que vivemos. Precisamos da ajuda da população. Uma população consciente não abandona seu animal nas ruas, nem tampouco joga lixo nos rios ou nas ruas, pois ela sabe que essas ações irão reverter contra elas mesmas”.
Os Vereadores também se manifestaram: Rodrigo França destacou que um grande passo foi dado com a formalização da Audiência Pública. Já o Vereador Reginaldo Estevanim disse que não havia ficado bem esclarecido quanto à criação do Centro de Zoonoses e que a população também tinha dúvidas quanto ao seu funcionamento e o que ele viu foi uma grande indignação da população que se declara nas redes sociais, preocupada quanto à sua criação, entendendo que esta seria para o extermínio dos animais. O Prefeito Miguel Belmiro Júnior disse que o Centro de Zoonoses abrange o tratamento de qualquer tipo de epidemia. Já a Secretária de Saúde Bethânia Reis, ressaltou que o Centro de Zoonoses não vai funcionar como um local de extermínio de animais, pois se assim o fosse, jamais colocaria seu nome à frente de um projeto que viesse de encontro aos seus anseios de melhores tratamentos destinados aos animais.
O Vereador Wolney Freitas relatou que quando exerceu o cargo de Prefeito Municipal de Além Paraíba chegou a desapropriar uma área no bairro do Sítio Branco, para que ali pudesse ser construído em definitivo o canil para os animais. Porém, devido à tragédia que se abateu na cidade no ano de 2012, isso não foi possível – desabafou.
O atual Secretário Municipal de Finanças, Mauri Felipe, também destacou que sentiu falta de uma explanação melhor quanto ao funcionamento do Centro de Zoonoses e informou aos presentes que a Prefeitura passará a fazer, além do repasse financeiro já destinado à Associação Protetora dos Animais, através de subvenção, também a compra da ração a ser consumida pelos animais, aliviando assim um pouco os encargos da entidade.
Renata Felipe Faria, fiel defensora da causa animal em Além Paraíba e responsável por fomentar a realização da Audiência Pública, disse que esteve à frente na elaboração do projeto da criação do Centro de Zoonoses e que já o entregou ao Governo Municipal. Ela tranquilizou os presentes dizendo que “ o Centro de Zoonoses não se destina à matança de animais, pois matar um animal é crime”, ressaltando ainda que não havia necessidade de criação de um canil, pois ele já existe: “O que falta é um maior apoio dos Poderes e da população” e declarou que a unidade móvel para a castração animal deve estar na cidade ainda neste ano. Sobre a criação do Centro de Zoonoses, Renata disse que é um dever da Prefeitura, cobrado também pelo Ministério Público, e que a Audiência Pública sobre o assunto foi idealizada por ela para que as pessoas envolvidas com a causa animal pudessem participar deixando sugestões quanto à melhoria do trabalho a ser desenvolvido. Aos presentes, Renata disse que semanalmente recebe denúncias de maus tratos a animais e que quando uma pessoa souber ou presenciar tal fato, é preciso que se façam denúncias junto ao MP, colhendo provas, que podem ser por testemunhas ou, de preferência, que sejam gravados vídeos e levados ao Promotor Público. Ela lembra que qualquer pessoa pode fazer a denúncia e que o denunciante tem seu nome resguardado por lei, destacando ainda que, por vários anos o Poder Público foi omisso quanto às questões dos animais, em razão disso o que se vê é uma proliferação cada vez maior dos abusos e maus tratos.
O Deputado Noraldino Júnior destacou que é necessário que seja feita uma política pública de combate ao abandono e maus tratos aos animais e que ações de abuso são passíveis de punição e de detenção. Ele assumiu um compromisso de liberação de um veículo a ser destinado ao Município ou à Associação de Proteção SOS Amor— se esta estiver com sua documentação regular— para auxiliar no transporte e recolhimento dos animais, sendo que este veículo deva estar liberado até o mês de dezembro de 2017. Mais uma vez, o deputado reforçou dizendo que o “Castramóvel” já é uma realidade para o Município, e informou que disponibilizará uma equipe técnica para ajudar com estudos junto ao Governo Municipal para que se possam realizar ações de políticas públicas e desabafou dizendo que ainda se tem muito o que avançar quando se fala em proteção animal e elogiou a postura do Prefeito quanto à sensibilidade no assunto, dizendo que “ essas pessoas que cuidam desses animais, o fazem por amor a eles, e elas saberão reconhecer o seu Governo” – finalizou.
( Texto e fotos: Sônia Carvalho)

Acontece, hoje, na Câmara Municipal de Além Paraiba, ás 19:00 horas, uma audiência pública para tratar da questão do transporte em geral no município. A audiência será ampla, não se limitando a discutir apenas a questão das vias públicas, dos sentidos das vias, das áreas onde o trânsito muitas vezes forma um verdadeiro nó. A amplitude da audiência abordará temas relevantes como o sistema de transporte de Além Paraíba como um todo.  Serão discutidas a questão dos mototáxis, tarifas praticadas, presenças de clandestinos; Os táxis também entrarão em discussão. O transporte coletivo de passageiros nos ônibus, os horários dos coletivos, o valor da tarifa, as linhas e rotas entrarão também em discussão. Gerson pretende contar e está convidando especialistas para discorrerem sobre o tema. A população está sendo convidada a participar.

Eliana Quintão, ex-prefeita do município de Volta Grande e seu candidato a vice-prefeito nas últimas eleições, Márcio Junqueira, e também o ex-vice-prefeito, Celso Junqueira, atual vereador, foram condenados pelo TRE-MG, em primeira instância, na Comarca de Além Paraíba, à perda dos direitos políticos por 8 anos.
No caso do ex-vice-prefeito Celso, a condenação ainda resulta na perda do mandato de vereador e no pagamento de cerca de R$130.000,00 em multa. O Excelentíssimo Senhor Doutor Juiz Eleitoral Marco Aurélio Souza Soares, da Comarca de Além Paraíba, condenou o trio por abuso de poder econômico, nas últimas eleições. Segundo informações que chegaram à nossa reportagem, a denúncia, feita em maio de 2016, partiu do Partido dos Trabalhadores da cidade, que faz parte da coligação PMDB/PT/PDT, de lema Renovar Para Mudar, oposição de Eliana Quintão, que elegeu o Sr. Jorge Luiz Gomes da Costa ao cargo máximo do município de Volta Grande.
O processo não teve, ainda, resultado definitivo, visto que é tramitado em segunda instância, no Tribunal Regional Eleitoral de Belo Horizonte, porém em seu último movimento o Procurador Regional Eleitoral apresentou, em seu parecer, pedido de 'Manutenção da Sentença'. O Procurador teve seu parecer proferido e aguarda as contrarrazões dos advogados de defesa para que o processo tenha seu julgamento marcado.
Caso sejam derrotados em Belo Horizonte, os denunciados podem apresentar recurso ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasilia. (Fonte da matéria: "Jornal A Voz Do Povo")

Os trezes vereadores da Câmara Municipal de Além Paraíba, durante reunião ordinária do dia 29 de maio, aprovaram envio de “Moção de Repúdio” ao Governo Federal, à Câmara de Deputados e ao Senado Federal, em relação à proposta de Reforma da Previdência (PEC 287/2016).
No texto da moção, os vereadores argumentam que os fundamentos da Reforma não são verídicos e contrariam os direitos sociais e dos trabalhadores brasileiros.
Os vereadores de Além Paraíba destacam uma lista de empresas inadimplentes com a Previdência e contestam o argumento do Governo de que há um “déficit” orçamentário.
Na ocasião, foi lido o texto da Moção de Repúdio, expondo os motivos pelos quais o Legislativo alemparaibano se pronunciou contra a Reforma proposta pelo Governo Temer. O texto é enfático e termina dizendo que a Câmara Municipal de Além Paraíba não irá corroborar com qualquer atitude da política federal que venha prejudicar os trabalhadores. Leia, abaixo:

“O Governo Federal justifica a necessidade da emenda, sob o frágil argumento de que há um “déficit” orçamentário, o que, na verdade, não procede. Dessa forma, tenta desastrosamente violar os princípios da dignidade humana ao promover o desequilíbrio social, haja vista que, de um lado há a precarização das relações de trabalho e de outro cobra-se do trabalhador mais tempo de contribuição para o proveito da aposentadoria, o que evidencia uma grave crise do direitos sociais protegidos pela nossa Carta Magna, como se fossem os mesmos o causador do alegado “déficit” previdenciário. Além disso, válido ressaltar que, ao contrário do que afirma o Governo Federal, há um superávit da Seguridade Social, tão elevado que anualmente são desvinculados recursos por meio do mecanismo da DRU (Desvinculação de Receitas da União), majorada de 20 para 30% em 2016. Estes recursos são retirados da Seguridade Social e não possuem vinculação, sendo utilizados para qualquer fim, especialmente para o pagamento de juros da dívida pública, que nunca foi auditada, como manda a Constituição. Importante frisar ainda que muitos órgãos estatais e privados devem mais de R$426,07 bilhões aos cofres da Previdência, dentre os maiores inadimplentes da Previdência, destacam-se: Varig, já inexistente, cujo débito é de R$3,713 bilhões; JBS Friboi com R$2.378 bilhões; Vasp, que não mais funciona desde o ano de 2005, deve R$1,5 bilhão; Caixa Econômica Federal, com R$1.375 Bilhão; extinta TV Manchete, com R$336 milhões; MafrigFirgorífico deve R$1.154 Bilhão; Banco do Brasil, R$1.138 Bilhão; Faculdade Mackenzi, R$786 milhões; Banco Bradesco, R$676 milhões; Prefeitura de São Paulo, R$612 milhões; Vale do Rio Doce, R$597 milhões; Empresa Brasileira de Correios, R$442 milhões.Enfatiza-se, ainda, que em abril desse ano, o Conselho Administrativo de recursos Fiscais (CARF) decidiu, por 5 votos a 3, que o Itaú não precisa pagar impostos no processo de fusão com o Unibanco, o que implica uma derrota de R$25 bilhões para a Receita Federal.Diante disso, antes de induzir equivocadamente para que haja aprovação da PEC 287/2016, utilizando-se de onerosa campanha para levar informações inconsistentes à população, requisitamos que o Governo Federal publique com ampla transparência e lisura as receitas da Seguridade Social, computando todas as fontes de financiamento previstas no artigo 195 da Constituição Federal, expondo ainda o impacto anual da DRU, as renúncias fiscais que têm sido concedidas, a desoneração da folha de salários e os créditos tributários previdenciários que não estão sendo cobrados, ou seja, todo o estudo setorial da área previdenciária. A reforma da previdência, sob o prisma da PEC 287/2016, impactará negativamente a economia dos municípios, uma vez que a maioria sobrevive dos benefícios da previdência social, que superam o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).Destarte, é de crucial relevância garantir a participação da sociedade no sentido de construir alternativas que venham melhorar o sistema de Seguridade Social e ampliar a sua abrangência, impedindo o retrocesso de direitos sociais.Sugerimos, ainda a desvinculação da DRU visando o aparelhamento e independência de desenvolvimento da Previdência Social, como medida de proteção aos Fundos Previdenciários Federais, possibilitando uma arrecadação real das contribuições dos trabalhadores o que os garantirá uma aposentadoria digna e benefícios constitucionais para uma sobrevivência salutar após anos de dedicação pilar e laborativa, onde vários trabalhadores vêm possibilitando a manutenção do segmento de produção.” (Fonte: Facebook do vereador Gérson Barreto)

Pagina 1 de 8